terça-feira, 19 de janeiro de 2010

"A INDIFERENÇA É O SONO DA ALMA" -Charles Favart -















Foi num domingo à tarde, dia de mercado
quando vi este homem sentado,
turbante vermelho, barbicha branca
olhar vago.
Indiferente, de boca  fechada
Rodeado de multidão,
mas a face triste na sua solidão!

Viu-me e deviou o olhar,
recusando a minha invasão.
Eu afastei-me, mas logo voltei,
não resisti á tentação
e supliquei com um olhar
respondeu-me em silêncio
 e deixou-se fotografar...........

Recordo esse dia, revejo a fotografia e pergunto
Arrependimento, nostalgia, indiferença??
Que estaria aquele homem a sentir.....
Só adormecido no sono da alma,
ou já à beira da morte de toda a crença??......

"A INDIFERENÇA, SILENCIOSA, GRAVE, QUASE BENÉVOLA, É A MANIFESTAÇÃO
LEGÍTIMA DA MORTE DE TODA A CRENÇA"
-  Alexandre Herculano -

32 comentários:

  1. O deixar-se entregar. O não se importar. Desistir da luta. Devemos reagir sempre. Tentar tudo que estiver ao nosso alcance. Este é o esperado. Beijos.

    ResponderEliminar
  2. Pase a saludarte y a leer tu entrada.
    Besos.
    Fer.

    ResponderEliminar
  3. Você é fantástica, bela foto e belo texto, bj

    ResponderEliminar
  4. Olá, adorei o seu cantinho, o assunto viagem me fascina. As fotos são lindas você tem uma rica experiência

    Um abraço

    ResponderEliminar
  5. Maravilhoso post! A foto é fantástica.

    Lembrou-me uma fala de Clint Eastwood: * Matar um homem é uma experiência inesquecível. Tira-se não só o que ele tem, mas o que ele teria*
    Os Imperdoáveis.

    *Ainda bem que este olhar é de combate!* Ele não está indiferente. Perceba as rugas, a revolta.*

    O seu Blog é lindo. Adoro conhecer e conviver com culturas diferentes.
    Muito obrigada
    Beijos Renata
    Boas-vindas*

    A minha Vida é Amor. Amo a Vida e vivo por Amor. Sempre caí de Amor. Nem sempre deu certo, aprendi a levantar como um gato**************** (há 47 anos)

    ResponderEliminar
  6. quiçá se perguntasse porque despendeu uma vida inteira?!

    ResponderEliminar
  7. Olá Helena, bela fotografia...Espectacular....
    Beijos

    ResponderEliminar
  8. Muito harmônico o conjunto de foto com a poesia. Gostei daqui.
    Beijo grande,
    FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER...
    Saudações Florestais !

    ResponderEliminar
  9. Olá! Seu blog é lindo. Se você tiver tempo, visite o meu blog de viagem, que está em Inglês e em grego AQUI!!

    ResponderEliminar
  10. Olá Helena!

    O poema é uma linda moldura para esse rosto de expressão enigmática - de quem contempla a vida em seu redor - que, certamente, só ele nos poderia desvendar ...
    Um abraço.
    Vitor

    ResponderEliminar
  11. Helena,

    é sempre um prazer vir aqui.Gosto de fotografias,gosto de rever fotos e imaginar ou relembrar fatos e situações...

    Quando vieres ao Recife/Olinda,podemos nos encontrar sim,vou adorar!

    Sua página inteira respira Arte.Parabéns.


    Um abraço

    ResponderEliminar
  12. Amiga Helena,
    gostei de conhecer mais um pouco desse seu lado sensivel!

    Beijinhos,
    Ana Martins

    ResponderEliminar
  13. *
    belo post !
    ,
    A dignidade
    de um olhar misterioso,
    ,
    conchinhas,
    ,
    *

    ResponderEliminar
  14. Oi Helena,

    Sua visita me trouxe alegria.Bela a sua história,rico seus olhos em sensibilidade.
    Fotos que captam almas.Incrível o contraste das cores turqueza e laranja com o semblante fechado.

    Com carinho,


    Cris


    Convite-www.cristinasiqueira.blogspot.com

    ResponderEliminar
  15. Olá Helena. Gostei bastante do seu blog. Tem excelentes fotos. Vou ficar atento. Cumprimentos, Jorge Sousa www.ibernatur.blogspot.com

    ResponderEliminar
  16. Às vezes é preciso abanar a árvore da existência para caírem as folhas velhas. Talvez seja por isso que eu não quero saber quem pintou o céu de azul, mas eu quero é o resto da tinta, porque nós podemos matar o tempo, mas é sempre ele que nos enterra.
    Gostei muito de vir aqui visitar o teu belo espaço. No carácter, na conduta, no estilo, em todas as coisas, a simplicidade é a suprema virtude. O destino une e separa pessoas. Mas nenhuma força é tão grande para fazer esquecer pessoas, que por algum motivo um dia nos fizeram feliz!
    Boa semana!

    ResponderEliminar
  17. ______________________________________________

    ...tomara que a expressão tão triste e distante, seja apenas momentânea...

    A foto é linda! O poema me emocionou...


    Beijos de luz e o meu carinho, Helena!!!

    _____________________________________________

    ResponderEliminar
  18. Bom dia!

    Valor de um sorriso!

    Não custa nada e rende muito.
    Enriquece quem o recebe sem empobrecer quem o dá.
    Duram somente um
    instante mas seus efeitos
    ficam para sempre.
    Ninguém é tão rico que dele
    não precise.

    Uma ótima Manhã pra você !

    beijooo.

    ResponderEliminar
  19. Helena
    Gosto que me visitem na minha palhota, onde recebo os amigos mas, quando eles são moçambicanos como eu, a alegria é a dobrar!
    Fiquei feliz acredita! Dei uma vista de olhos pelo teu blog e adorei! Há côr, as cores quentes do Indico...virei mais vezes, matar saudades!
    Um beijo
    Graça

    ResponderEliminar
  20. helena querida eu gosto muito de abrir o blog meus pensamentos e ve-la por la sempre com palavras tão doces,obrigada amiga!
    eu adoro sua fotos e esta esta um espetaculo o texto perfeito um show!
    venha sempre ,estou lhe seguindo com meu outro blog,bjs!marcia

    ResponderEliminar
  21. helena vou deixar com vc meu e-mail
    marcia_melo_morais@hotmail.com

    ResponderEliminar
  22. Helena, quando a alma acorda e o choro acontece é quando a alma se lava...E fica serena. Beijos. Carlos

    ResponderEliminar
  23. Lindas imagens em belas palavras... comunhão plena.

    Li e naveguei até onde as minhas asas me levaram

    Luis

    ResponderEliminar
  24. Very commonly different looking man!

    There's an award for you on my blog! Take it and showcase it on your blog :)

    The Day

    ResponderEliminar
  25. Gostei muito da tua postura, tens a preocupação de decifrar a tua arte.
    Um grande beijo
    Gemária Sampaio

    ResponderEliminar
  26. Passei para um beijo e bom fim de semana

    COR VERDE



    Cor verde
    Verde dos pinhais
    E dos abetos
    Que alegram
    Os meus olhos...

    ----------
    Olho-os e vejo
    Os pássaros que chilreiam...
    Que voam...
    Que vivem plenamente...
    A sua liberdade...

    ----------
    E olho...
    Fecho os olhos...
    E sinto... que também eu...
    Se fosse ave...

    ----------

    Conseguia voar e ser...
    Totalmente livre...

    LILI LARANJO

    ResponderEliminar
  27. Bonitas fotos que contem a tua galeria.

    Voltarei


    Carpe Diem

    ResponderEliminar
  28. No puedo hablar en Portugues pero puedo platicar en Espanol. Que lastima! No puedo viajar ahora! Su fotos me hace ser seloso. (jealous??)

    ResponderEliminar
  29. "A Caridade é um dever" - Emmanuel Kant
    É interessante esta citação de Kant pois releva para a disposição caritativa das almas e para o prazer que daí resulta intimamente para cada um. Não custa nada dar uma mão a quem precisa e não é verdade que nos sentimos muito melhor depois de o fazer? Ser solidario por prazer e nunca por vaidade faz-nos ser melhores pessoas, mais felizes e tranquilos com a nossa consciência.
    A fotografia está espectacular Helena, aliás como todas as suas fotografias. É sempre possível encontrar o reflexo da alma do fotografo naquilo que os seus olhos traduziram. E o que vejo aqui é muito bonito.
    Um beijo com amizade, Cristina

    ResponderEliminar
  30. OBRIGADA CRISTINA por este carinhoso comentario, esta fotografia e o momento de inspiração foi num lugar que vivi consigo e outros amigos, é também para vós este meu sentimento de partilha,
    bjº HELENA

    ResponderEliminar